Comissão SL + Segura tem primeira reunião do ano

Nesta terça-feira (28), integrantes da Comissão SL + Segura – projeto da ACIST-SL liderado pela Diretoria de Segurança Pública – participaram da primeira reunião de 2020. O objetivo foi alinhar as principais atividades do semestre, além de avaliar as pendências do ano anterior. O diretor de Segurança Pública da entidade, Rogério Daniel da Silva, destaca a sintonia entre todos os membros do grupo e a reforça o quanto é importante quando a sociedade civil atua em parceria com o poder público na busca de melhorias para todos.

 

Dentre as atividades que estão sendo alinhadas, está a campanha Amigos da Segurança, que visa estimular os estabelecimentos de toda a cidade, associadas ou não, a receberem os agentes de Segurança Pública. A previsão é que o lançamento ocorra em março, durante um café da manhã na ACIST-SL.

 

Outra ação é estimular a sociedade a atuar como apoiadora da causa da Segurança Pública. “Vamos organizar um projeto para que as empresas possam contribuir financeiramente, utilizando, por exemplo, o Programa de Incentivo ao Aparelhamento da Segurança Pública, comenta Davi Dalcin, presidente do CONSEPRO. O PISEG/RS possibilita a empresários destinar até 5% do saldo devido de ICMS ao Estado para serem aplicados na compra de equipamentos como veículos, armamentos, munições, capacetes, coletes balísticos, rádios comunicadores, equipamentos de rastreamento, de informática, bloqueadores de celular, câmeras e centrais de videomonitoramento.

 

Agradecimento – O comandante do 25º BPM, tenente-coronel Sérgio Gonçalves dos Santos, aproveitou a reunião para agradecer o empenho da ACIST-SL para que a Brigada Militar pudesse mudar de endereço. “Quero deixar público a gratidão de toda a corporação pelo envolvimento efetivo que a entidade teve ao longo de todo o tempo em que foi por nós demandada”.

 

Participaram da reunião Rogério Daniel da Silva, diretor de Segurança Pública da ACIST-SL; Davi Dalcin, presidente do CONSEPRO, Eduardo Hartz, delegado titular da 3ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana; Marcela Romera, a promotora do Ministério Público de São Leopoldo;  Comandante Sérgio Gonçalves dos Santos; Pedro Gimenez, da Guarda Civil Municipal,  Glaci dos Santos,da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Comunitária e Maiara Fangueiro, gerente executiva da ACIST-SL.

 

Sobre a Comissão – A Comissão São Leopoldo + Segura foi criada pela Diretoria de Segurança Pública da ACIST-SL em junho de 2019, seguindo uma das bandeiras da entidade, que é a Segurança Pública. Seu objetivo é ser um grupo de trabalho pequeno e ágil, com o propósito de tornar a cidade mais segura. É formado por todas as instituições locais relacionadas à área, como Guarda Civil Municipal, Brigada Militar, Corpo de Bombeiros, Ministério Público, Delegacia de Polícia Civil, Receita Federal, CONSEPRO, dentre outros.

A Comissão trabalha com os mesmos três pilares da Segurança Pública criados pelo Governo do Estado, por meio do RS Seguro –  Programa Transversal e Estruturante de Segurança Pública.

O pilar Integração será construído pelos representantes da iniciativa privada, como o Movimento Paz, junto aos órgãos públicos.

O segundo pilar, a Expertise, virá dos conhecimentos estratégicos e táticos.

O terceiro pilar refere-se aos Recursos Financeiros, que será articulado por meio do Consepro, que estabelecerá onde os recursos serão aplicados. Terá a integração pública privada para a captação de recursos que poderão vir da Lei de Incentivo à Segurança, através da contribuição do ICMS e  via projetos que serão entregues e analisados pelo PISEG.

A Comissão São Leopoldo + Segura reúne-se mensalmente, quando todos os integrantes relatam seus projetos, desafios e resultados.

Seja o primeiro a comentar on "Comissão SL + Segura tem primeira reunião do ano"

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.


*